» Castelos no ar – Dubai

Castelos no ar – Dubai

Castelos no ar – Dubai
Hotéis embaixo dágua, edifícios que giram, outros de cabeça para baixo. Construir castelos na areia, eis a principal atividade desta cidade ultra moderna, e com velocidade espantosa de crescimento.
Palm Jumerah, uma ilha construída pelo homem no meio do mar, dá uma idéia leve do que eles ainda podem fazer. Apesar da crise assolar o mundo, muitas das construções iniciadas em Dubai, com proporções faraônicas de investimento, para mim parecem ativas, com homens trabalhando e a pleno vapor. Para onde nos viramos existem prédios em construção especialmente na área chamada Business Bay.
Conta a lenda que Dubai já não tem tanto petróleo e por isso sua atividade principal é se transformar no centro ou coração financeiro dos emirados, assim como um forte pólo turístico.
O que parece curioso é que apesar de ter um índice de crescimento incrível, a maioria dos prédios construídos nos últimos dez anos em Dubai, não traz a assinatura de nenhum arquiteto famoso. Alguns poucos, que eram de fato assinados, hoje fazem parte das obras em compasso de espera, que ainda aguardam sua finalização mas não estão em franca atividade.

 Ontém fui visitar um pequeno pedaço de Palm Jumerah, o Hotel Atlantis é absolutamente impressionante. As pessoas vão até a frente, param os carros e aquilo vira um estúdio ao ar livre, todo mundo quer tirar um tiquinho da paisagem e se mostrar de quebra.

Claro aqui estou euuu!!

Ganhei o óculos, meu filho lindinho, simplesmente pegou o único óculos de sol que eu tenho e não devolveu mais, e aqui isso faz falta mesmoooooo!!

Os shoppings são encantadores, mas resisti direitinho e não comprei nadinha, por enquanto!!
Muito brilho, muito luxo e muita marca famosa.
Os locais amam grife, e como tem possibilidades de pagar por elas, acaba sendo um paraíso para o consumo mesmo!
Algumas imagens internas dos centros de compras

Amei esta sandália, lembrei da Shahar, sempre de salto e perua…
Algumas lojas tem tanto espelho e brilho que ofuscam os olhos como esta aqui embaixo, que brilhava até o outro lado do corredor e prejudicava as outras vitrines

Era uma coisa, ocupava dois andares, então no primeiro momento parecia ilusão de ótica, aqui na verdade a imagem está discreta, não dá para ter uma visão real do brilho da loja.
Claro que tudo é muito feminino, pois talvez mesmo nesta parte do mundo, com todas as restrições vigentes, pelo menos externamente, as mulheres ainda são as donas do pedaço ou pelo menos do cartão de crédito dos maridos.
Como este não é meu caso posso fazer piada a vontade
Tenho apenas o meu cartão e uso em último caso, porque não sou loucaaaaaaaaaaaa….não muito!!
Up