» 2011 » dezembro

Monthly Archives: dezembro 2011

Um momento de celebração super merecido – 10 anos de Elis Pinheiro

Neste caminho que escolhemos que é a dança, há uma infinidade de atitudes, aprendidas e absorvidas, de acordo com nossa experiência particular no meio. Numa teia formada por interesses bem definidos, chega um ponto em que não se distingue mais o que é verdade e o que é simplesmente a necessidade de estar inserida no
read more

O controle dos movimentos pequenos

É incrível como o simples pode ser interessante se trabalhado ao máximoEssa bailarina grega apesar de ter uma postura nem sempre elegante durante a dança, tem um controle maravilhoso dos oitos e das linhas circulares, vale a pena estudar!! Como nosso tema de aulas esta semana, em alguns grupos foi exatamente , a exploração dessa
read more

Véspera de dia dos namorados – um texto bonitinho que ganhei!

O que mais te fascina na pessoa que você ama? E ela? Reconhece isso de você? No ponto de ônibus, um homem de idade já bem avançada estava apressado, dizendo-se atrasado para um compromisso. Enquanto aguardávamos o coletivo, perguntei-lhe qual o motivo da pressa. Ele me disse que precisava ir a um asilo para, como
read more

Caminhando por Milão – tour intensivo de um dia sóoooo!!!

Saindo de nosso hotel a aventura começou por conseguir comprar o bilhete de trem. Não tem ninguém esperando, nem bilheteiro nem bilheteria. Aqui na Itália, se te dizem 10 minutos pode contar com o dobro do tempo, se lhe dizem que é logo ali, é um pouco mais longe, e se tem certeza de que
read more

Dentro da casa de Rudolf Steiner

Num lugar chamado Dornach, está a sede da Antroposofia, doutrina criada por Rudolf Steiner, um grande pensador e por que não dizer artista espiritual. Antroposofia é uma corrente de pensamento que vê o homem como parte integrante de algo maior e contido harmonicamente, de forma ideal, numa realidade que aceita o material mas também o
read more

Carnaval com frio e lembranças da infância!

dois dos meus amores—–hummm !!! Evinha e Yah Longe de tudo uma vez mais sempre tenho  a chance de repensar coisas e refazer escolhas já decididas no passado. A distãncia sempre acaba dando um jeito na nossa vida, de uma forma ou de outra. Serve para valorizar de forma apropriada aquilo que está a nossa
read more

Up